sábado, 17 de julho de 2010

S.O.S.



Um dia ela acordou e simplesmente soube que não estava tudo bem... E que aquilo, fosse lá o que fosse, não iria embora por livre e espontânea vontade. Ela acordou e soube que não conseguiria preencher aquele vazio ou afastar aquela tristeza. Ela acordou e soube que não conseguiria se livrar daquela solidão. E todos os meses de lágrimas sem razão e dor sem explicação, de súbito, se encaixaram... E mesmo que ainda não fizessem sentido, ao menos não pareciam mais bobagem. Ela acordou e soube que estava chovendo mesmo sem olhar pela janela. Soube que estava se afogando e afastando todas as mãos que tentavam lhe tirar da água. Soube que havia algo errado... Algo que ela não podia resolver sozinha.

E ela soube que precisava de ajuda.

"But I'm not crazy, I'm just a little unwell
I know right now you can't tell
But stay a while and maybe then you'll see
A different side of me" ♫

("Mas eu não sou louco, eu apenas não estou muito bem
Eu sei que agora você não pode dizer
Mas fique um pouco e talvez então você veja
Um lado diferente de mim")

[Unwell - Matchbox Twenty]

2 comentários:

Desirée disse...

ela deveria aceitar sa ajuda, não axa?

:)

MAILSON FURTADO disse...

MAravilhoso post..

Belo trabalho, o seu blog

MUITO BOM...

Conheça:
http://mailsonfurtado.blogspot.com